checkoutarrow
BR
Ajuda 24 horas
beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements

Vitamina C para crianças: Será que Seu Filho Está Consumindo o Suficiente?

Por Cherilyn Cecchini, MD

Neste artigo:


Na minha prática como pediatra, frequentemente atendo crianças saudáveis com seus pais para um checkup geral. Durante estas visitas, discutimos a alimentação e necessidades nutricionais. As necessidades diárias de vitaminas e a necessidade de suplementação são tópicos recorrentes nas conversas durante estas consultas.

Os pais geralmente perguntam se seus filhos precisam receber suplementação adicional fora da sua dieta habitual. Esse é definitivamente é um tópico importante e uma conversa essencial para ter com o seu pediatra a cada visita. Então, vamos analisar os detalhes.

Como Saber Se Meu Filho Está Consumindo as Vitaminas Necessárias?

A Academia Americana de Pediatria recomenda que uma criança consumindo uma dieta equilibrada não receba suplementação acima das quantidades alimentares recomendadas. As quantidades alimentares recomendadas diferem para cada vitamina e nutriente, e também podem variar de acordo com a idade. Mantenha estes pontos em mente quando for discutir a suplementação com seu pediatra.

Meu Filho Pode Ter Uma Overdose de Vitaminas?

Essa é uma pergunta menos comum, mas muito importante! Doses altas de vitaminas como a  A ou D podem levar a sintomas nocivos, então é importante conversar sobre as vitaminas com seu pediatra antes de fornecê-las ao seu filho.

Se por algum motivo seu filho tomar uma megadose de vitamina C, ele poderá apresentar alguns sintomas leves como desconforto gastrointestinal. A vitamina C é hidrossolúvel, e por este motivo o excesso seria excretado sem causar as toxicidades observadas com megadosagens acidentais de outras vitaminas.

Quais são as recomendações de vitamina C?

A recomendação diária de consumo de  vitamina C varia de 15 a 45 mg para as idades de 1 a 13 anos, e de 65 a 75 mg para idades entre 14 e 18 anos. As quantidades recomendadas diferem ligeiramente dentro destas faixas de idade, então você definitivamente deve discutir os detalhes e a dosagem correta para a idade do seu filho com o pediatra. Em geral, as necessidades de vitamina C são mais altas durante infecções ou processos inflamatórios, ou durante a gravidez e lactação em mulheres adultas.

As doses máximas toleráveis diferem das doses diárias recomendadas e geralmente são mais altas, de acordo com cada faixa etária. Doses mais altas podem ser usadas para tratar deficiências de vitamina C.

Porque a Vitamina C é Importante?

A vitamina C também é conhecida como ácido ascórbico e tem um papel importante na saúde do sistema imune. Ela fortalece os músculos e a pele e promove a regeneração de feridas e dos ossos. A vitamina C também ajuda na absorção de  ferro, outro mineral importante no corpo. O ferro carrega o oxigênio pelo corpo para que as células possam produzir energia. Quando os níveis de ferro estão baixos, as crianças podem se sentir cansadas ou fracas.

A vitamina C também é importante para a produção de  colágeno, uma proteína que ajuda as crianças a formarem articulações, tendões, dentes e ossos saudáveis. O colágeno também é importante para a saúde da pele.

A Vitamina C Realmente Ajuda a Combater Resfriados?

Muitos pesquisadores mencionam que pode haver uma associaçao entre o consumo de vitamina C e o aumento da atividade do sistema imune, que pode ajudar o corpo a combater infecções ou sintomas de resfriados. Porém, essa evidência não é definitiva, e não existem regras claras criadas por médicos ou pela Academia Americana de Pediatria em relação a aumentar o consumo de vitamina C em momentos de doença.

Para a prevenção de gripes e resfriados, alguns recomendam uma dose de pelo menos 200 mg diários de vitamina C. Estudos demonstraram uma redução de 14% nos resfriados em crianças tomando esta quantidade. Muitas crianças consomem 200 mg somente com a dieta, então a suplementação pode não ser necessária. Porém, se a criança não estiver se sentindo bem, ela tende a comer e beber menos, então a suplementação deve ser considerada nestas situações.

Existem Fontes Naturais de Vitamina C?

Sim! Já que seu corpo não produz ou armazena vitamina C, é importante incorporar à sua dieta alimentos que a contenham. Muitos alimentos contêm vitamina C, particularmente frutas e vegetais. Aliás, a vitamina C é encontrada em frutas cítricas, como laranjas e abacaxis, bem como em melões, morangos e tomates. Você também pode encontrar vitamina C em vegetais, incluindo batata doce, espinafre, tomates verdes, pimentões amarelos e brócolis. A luz e o calor podem diminuir os níveis, então frutas e vegetais frescos e não cozidos contém níveis totais mais altos de vitamina C.

Novamente, uma dieta balanceada que inclua frutas e vegetais é importante. Porém, é compreensível que muitas crianças recusem alguns alimentos, e muitas vezes elas não consomem as quantidades de frutas e vegetais que gostaríamos! Fazer vitaminas de frutas e vegetais ou congelar frutas frescas em forma de picolé são duas maneiras de esconder estes alimentos na dieta do seu filho.

O Que Acontece Se Meu Filho Não Estiver Consumindo Vitamina C Suficiente?

A deficiência crônica de vitamina C leva a uma condição conhecida como escorbuto. Isso é relativamente raro, já que a maioria das crianças consegue alcançar níveis normais de vitamina C através da dieta. Alguns problemas de saúde podem reduzir a quantidade de vitamina C absorvida pelo corpo ou levar a uma necessidade aumentada de vitamina C.

Quais São os Sintomas de Deficiência de Vitamina C?

Os sintomas iniciais da deficiência de  vitamina C podem incluir irritabilidade, perda de apetite e ficar com manchas roxas facilmente. O sangramento das gengivas é uma outra manifestação da deficiência de vitamina C. As crianças podem apresentar inchaço nas articulações ou dores. Além disso, como a vitamina C ajuda na absorção de ferro, a deficiência de ferro é frequentemente vista combinada a níveis inadequados de vitamina C.

O tratamento para a deficiência de vitamina C é aumentar o consumo e seu pediatra pode te ajudar a garantir que os níveis de vitamina C do seu filho aumentem de maneira adequada. 

Meu Filho tem Risco Aumentado para Deficiência de Vitamina C?

Crianças com transtornos intestinais e algumas formas de câncer podem apresentar risco aumentado de deficiência de vitamina C. A hemodiálise crônica para pacientes com doenças renais ou dietas cetogênicas estritas para pacientes com convulsões refratárias também podem levar a níveis baixos de vitamina C. O ato de fumar tabaco e a exposição à nicotina aumentam a necessidade de vitamina C em até 40%, o que é importante ter em mente, especialmente se seu filho for exposto a fumaça de cigarro de outras pessoas.

O Que Eu Deveria Procurar ao Escolher um Suplemento de Vitamina C?

Ao considerar a suplementação é importante observar ingredientes adicionais e indesejados que podem estar inclusos. Por exemplo, corantes artificiais ou adoçantes são desnecessários e podem ser evitados ao selecionar um suplemento de vitamina C . Procure produtos que sejam livres de ingredientes artificiais ou excipientes. Muitos produtos de vitamina C livres de glúten, de gelatina e não-OGMs estão disponíveis.

O sabor é outra consideração importante ao escolher um suplemento de vitaminas para crianças. A maioria das crianças é receptiva a sabores cítricos ou de frutas, e muitos suplementos de vitamina C estão disponíveis nestes sabores.

Ao comprar um suplemento, considere se seu filho prefere um comprimido mastigável ou uma gominha. A vitamina C também está disponível em  formulações líquidas caso a criança ainda não consiga mastigar ou engolir uma gominha ou comprimido. Suplementos vegetarianos de vitamina C também estão disponíveis caso uma criança mais velha ou adolescente tenha optado por uma dieta vegetariana.

Procure suplementos que tenham sido produzidos em instalações com Boas Práticas de Fabricação. Este sistema garante que as vitaminas sejam produzidas de maneira consistente e controlada, de acordo com padrões de qualidade. Para crianças com alergias a amendoim ou nozes, certifique-se de procurar uma vitamina C que seja livre destes ingredientes e produzida em instalações livres de nozes.

Informações Essenciais

A Vitamina C tem um papel importante na saúde e bem-estar geral. A maioria das crianças consegue alcançar a quantidade recomendada com uma dieta variada. Algumas crianças apresentam risco aumentado para deficiência de vitamina C e a suplementação é essencial para elas.

Certifique-se de fornecer a dose apropriada de vitamina C ao seu filho com base em sua idade. Procure suplementos que sejam livres de ingredientes artificiais e que sejam produzidos em instalações de alta qualidade.

Lembre-se sempre de discutir sua alimentação e nutrição com um pediatra!

Artigos Relacionados

Ver tudo

Bem-estar

O 5-HTP é a Melhor Resposta da Natureza para Estimular os Níveis de Serotonina no Cérebro

Bem-estar

Uma Boa Saúde Linfática Pode Te Ajudar a Se Desintoxicar e Melhorar a Imunidade?

Bem-estar

Os Suplementos Podem Ajudar a Proteger Contra os Efeitos Nocivos da Poluição?