beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements

Dieta cetogênica: 3 superalimentos ricos em sabor e nutrição

Por Nia Rennix

Neste artigo:


A beleza da dieta cetogênica é que seu corpo entrará em um estado metabólico chamado cetose ao consumir alimentos pobres em carboidratos e ricos em gorduras. Basicamente, isso te transformará em uma máquina de queimar gordura.

O único segredo é que você precisará reduzir drasticamente seu consumo total de carboidratos. Essa parte é extremamente importante porque exceder o limite prescrito de carboidratos, mesmo que seja um pouco, tirará seu corpo da cetose, que é a base da dieta cetogênica. Portanto, embora a dieta cetogênica seja altamente eficaz, ela pode parecer restritiva para certas pessoas.

Porém, refeições cetogênicas não precisam ser menos agradáveis! Usando os temperos e os superalimentos certos, fazer a dieta cetogênica pode te deixar satisfeito e nutrido. 

1. Sementes de chia

Ao fazer uma dieta cetogênica, você pode considerar as sementes de chia entre suas melhores amigas. Essas sementes têm pouquíssimas calorias e são ricas em nutrientes. Como o teor de carboidratos nas sementes de chia é muito baixo, esse é um ingrediente ideal para fazer receitas cetogênicas. Elas dão consistência a suas refeições, sem acrescentar calorias e carboidratos indesejados. Além disso, há uma série de benefícios à saúde associados às sementes de chia.

Benefícios das sementes de chia à saúde

  • Ricas em antioxidantes: você obterá uma alta proporção de antioxidantes ao consumir sementes de chia, que, por sua vez, cuidarão dos radicais livres tentando causar distúrbios em seu sistema. 
  • Alto teor proteico: as sementes de chia são uma excelente fonte de proteína vegetal. Por consequência, comer sementes de chia poderá lhe dar mais energia e deixar seus músculos mais fortes.
  • Ácidos graxos ômega-3: Embora o peixe ainda seja a melhor fonte animal de ácidos graxos ômega-3, as sementes de chia também podem fornecer uma boa quantidade de ômega 3. Para quem prefere consumir alimentos vegetais, a chia pode ajudar muito.
  • Evita constipação: as sementes de chia contêm um alto teor de fibras, que podem cuidar efetivamente do único problema que uma dieta cetogênica pode causar: constipação.
  • Melhora a saúde do coração: os nutrientes obtidos pelas sementes de chia podem ajudar seu músculo cardíaco a se manter robusto, o que poderia ajudar a prevenir doenças e problemas cardíacos.
  • Ossos mais fortes: as sementes de chia contêm cálciomagnésio fósforo. Portanto, consumi-las pode te ajudar a fortalecer seus ossos e a se proteger de doenças como a osteoporose.

Como incluir sementes de chia na dieta

A chia é um alimento muito flexível em refeições e pode ser incorporada em seus lanches de várias formas. Seguem algumas ideias rápidas para você.

Salada crocante: você pode simplesmente torrar sementes de chia em uma frigideira seca, com fogo baixo, e comê-las com uma pitada de sal. Se você estiver com mais disposição, poderá picar cebola e tomate e acrescentar um punhado de chia torrada a seco para fazer um lanche leve, mas saboroso. Adicione um pouco de suco de limão e algumas ervas picadas por cima para realçar o sabor.

Smoothie de superalimento: outra forma simples de consumir sementes de chia é deixá-las na água durante a noite. Essas sementes virarão uma substância gelatinosa que você poderá bater com suco de limão e sal para fazer um smoothie não convencional. Se você é daqueles que gostam de um smoothie doce, acrescente morangos e creme de leite para preparar um copo delicioso.

Molhos e sopas: além disso, as sementes de chia hidratadas podem ser usadas para engrossar molhos e sopas. Você pode fazer uma sopa de legumes simples e acrescentar sementes de chia hidratadas até atingir a consistência desejada. Tempere com sal e pimenta e você terá um prato que trará conforto a sua alma.

Barras energéticas: embora a maioria das barrinhas energéticas tenha muitos carboidratos, há algumas variedades cetogênicas no mercado. Por exemplo, algumas barrinhas podem usar manteiga de nozes adequada para cetogênicos como aglutinante. Tenha sempre barrinhas de chia consigo para que você possa fazer um lanche rápido quando estiver com fome.

2. Coco

O coco é outra bênção para a dieta cetogênica. Ele tem alto valor nutricional e, ainda assim, tem um teor baixíssimo de carboidratos. Você pode usá-lo de várias formas para fazer refeições inovadoras. Desde a polpa de coco não processada ao leite de coco, óleo de coco, e até farinha de coco, todos são extremamente saborosos. O óleo de coco extravirgem tem um sabor único, o leite de coco pode servir de substituto para o leite animal, o que faz dele uma ótima opção para veganos, e a farinha de coco tem textura bem semelhante à farinha tradicional, além de um sabor muito suave e cremoso. Todos esses ingredientes apresentam uma série de benefícios à saúde.

Benefícios do coco à saúde

  • Ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue: o coco contém uma alta porcentagem de fibras e, portanto, ajuda a estabilizar os níveis de açúcar no sangue. O sabor doce natural do coco também ajuda a saciar a vontade de comer doces.
  • Combate germes: o coco contém ácido láurico, um tipo de gordura que pode combater certos tipos de infecção. Por isso, ele pode ajudar a reforçar sua imunidade e melhorar seu bem-estar geral.
  • Não contém glúten: o coco é um alimento livre de glúten e, por isso, poderá ser muito útil se você tiver intolerância a glúten.
  • Pele radiante: o coco tem um altíssimo teor de gorduras saudáveis e é um tipo de produto natural para realçar a beleza.

Como incluir coco na dieta

Óleo de coco também é um item que pode ajudar seu corpo de fato a se manter em cetose. Há alguns lanches deliciosos com coco que você pode preparar.

Fatias crocantes de coco: quebre um coco e retire fatias da polpa branca do coco. Você pode adicionar uma pitada de substituto para açúcar e fazer um lanche maravilhoso. Outra opção é fritar levemente as fatias em manteiga para dar um aroma divino.

Fat bombs com coco: as fat bombs têm um sabor cremoso muito especial e ninguém seria maluco de recusá-las. Confira algumas receitas de fat bombs adequadas para cetogênicos.

Maçãs tostadas: fatie uma maçã e, com um pincel, passe óleo de coco generosamente. Deixe no forno até ficar levemente dourada e estará pronto um lanche perfeitamente saudável.

Muffins e bolos: você pode fazer deliciosos muffins com farinha de coco e cobri-los com bastante creme de coco para matar a vontade na hora da sobremesa.

Pães: você também pode usar farinha de coco para fazer um pão pequeno quando estiver com muita vontade de comer carboidratos. Ele satisfaz e é saboroso.

Sorvetes: o leite de coco pode ser utilizado para fazer sorvete. Quem não quereria comer sorvete em uma dieta?

Caldos: a farinha de coco também pode ser usada para engrossar sopas. Um delicioso caldo feito com farinha de coco pode ser uma refeição saborosa, sem adicionar centímetros em seu abdômen. O leite de coco é um excelente ingrediente que pode servir de base para uma sopa saudável. Acrescente alho picado e vegetais para ter um prato incrivelmente saboroso.

Biscoitos: se você estiver com vontade de comer biscoitos, use farinha de coco ao preparar uma fornada de biscoitos adequados para cetogênicos. Coma os biscoitos com um copo de leite de amêndoas não adoçado e aproveite o sabor divino sem culpa.

Bolinhas de coco ralado: rale muito bem a polpa do coco. Em uma panela, cozinhe o coco com duas colheres de manteiga até a mistura ficar viscosa. Desligue o fogo e adoce a mistura com uma pitada de substituto para açúcar. Faça bolinhas com o coco. Coma algumas na hora e guarde o resto para depois.

3. Carne seca de alta qualidade

Quem não gosta de um pouco de carne? Carne seca acaba tendo uma imagem negativa devido ao impacto que pode ter sobre a saúde das pessoas. Mas não se esqueça de que isso depende muito da qualidade da carne que você consome.

Confira sempre os rótulos ao comprar carne seca. O gado precisa ser alimentado com grama, resultando em carne seca orgânica, livre de nitratos e glutamato monossódico e com baixo teor de açúcar. Desde que você esteja consumindo carne seca de alta qualidade, não haverá muito motivo para preocupação.

Benefícios da carne seca à saúde

A carne seca tem algum benefício à saúde? A resposta é sim!

  • Boa fonte de proteína magra: a carne seca é uma ótima fonte de proteína magra e praticamente não contribui com carboidratos em sua dieta. Ela sacia o paladar e o estômago, fazendo você se sentir satisfeito por mais tempo.
  • Rica em ferro e zinco: em geral, todos os tipos de carne vermelha têm alto teor de ferro. A carne seca é uma ótima fonte de ferro zinco.

Como incluir carne seca na dieta

Quando você estiver com vontade de algo muito saboroso, a carne seca de alta qualidade pode ser uma opção simples. Ela é versátil - você pode incorporá-la à hora do lanche de diversas formas. Veja algumas ideias.

Omelete: você pode incrementar um omelete simples com alguns pedaços de carne seca e queijo ralado. O resultado é delicioso e perfeitamente adequado para cetogênicos.

Vegetais reinventados: acrescente alguns pedaços de carne seca de alta qualidade em um prato de brócolis e couve-de-bruxelas no vapor. Pronto! Uma refeição sem graça passou a ser saborosa.

Caldos: Um caldo grosso, contendo vegetais, é sempre um sucesso. Acrescente carne seca desfiada e você o verá se transformando instantaneamente.

Então, fique saudável e aprecie suas refeições e lanches enquanto você fizer a dieta cetogênica. Tenha confiança e, em breve, você verá a recompensa: uma versão mais saudável e magra de si mesmo.

Artigos Relacionados

Ver tudo

Nutrição

Petiscando mais que nunca? 3 itens saudáveis para ter em mãos

Nutrição

5 dicas para manter o intestino regular e saudável

Nutrição

Uma lista de alimentos saudáveis para sempre ter em casa