header_search header_signed-out header_signed-in header_cart sharefilled circlex circleexclamation iherbleaf
checkoutarrow
BR
O produto foi adicionado ao carrinho
Total:
Desconto:
Junto:
Quantidade:
Cart Total:
Finalizar
Clientes também compraram:
Ajuda 24 horas
beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements
Bem-estar

8 Benefícios do extrato de folhas de oliveira para a saúde

2 Fevereiro 2018

Por Eric Madrid MD

Muitos de nós estamos familiarizados com o azeite de oliva e seus benefícios, mas possuímos pouca ou nenhuma consciência dos poderosos benefícios do extrato de folhas de oliveira (OLE). Também conhecido como oleuropeína, o nome do seu principal composto, o extrato de óleo de oliva é derivado das folhas da planta que contém olivas, uma árvore chamada Olea Europaea. Muitos acreditam que esse produto ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, diabetes, câncer e outras doenças.

 O extrato de folhas de oliveira tem se mostrado seguro e tem sido amplamente utilizado como medicamento tradicional em países como Grécia, Espanha, França, Turquia, Israel, Marrocos e Tunísia. No Egito, ele tem sido usado por centenas e talvez até milhares de anos. É comumente consumido na forma de suplemento e como chá.

Doença cardiovascular

Doenças cardíacas são a principal causa de morte nos Estados Unidos, Europa e Ásia. Infelizmente, conforme os países vão adotando o estilo de vida ocidental no lugar das dietas dos seus ancestrais, doenças cardíacas continuarão a aumentar. Somente nos Estados Unidos, as mortes devido a doenças cardíacas e vasculares matam, desnecessariamente, quase 1 milhão de pessoas por ano.

Os produtos finais de glicação avançada foram associados a doenças cardiovasculares. Em um estudo de 2016 na Food Research International, conduzido pelo Dr. Mata Navarro e seus colegas, foi mostrado que o extrato de folhas de oliveira inibiu a formação de produtos finais de glicação avançada, ajudando assim a prevenir doenças cardíacas e vasculares.

Pressão alta

A pressão arterial elevada, ou hipertensão, é um dos principais fatores de risco para doenças cardíacas. Mais de 1 bilhão das 7,6 bilhões de pessoas no mundo têm pressão alta, o que ocorre quando a pressão sistólica atinge 140 ou mais, e a diastólica atinge 90 ou mais.  

Um estudo de 2016 da Food & Function mostrou que o extrato de folha de oliveira pode ajudar a diminuir a pressão arterial.  Um estudo de 2011 da Phytomedicine mostrou que o extrato de folhas de oliveira, a uma dosagem de 500 mg duas vezes ao dia, pode diminuir a pressão arterial de forma semelhante à droga farmacêutica captopril de 25 mg duas vezes ao dia. Nenhum efeito colateral foi observado no suplemento.

Diabetes  

A diabetes mellitus tipo 2, mais conhecida como diabetes, é uma doença que afeta milhões ao redor do mundo. Portadores de diabetes sofrem de níveis elevados de açúcar (glicose) no sangue, causando danos oxidativos aos vasos sanguíneos, nervos e órgãos, como rins e olhos—um exemplo de oxidação é quando o carro começa a enferrujar graças aos efeitos do clima. A diabetes aumenta o risco de ataque cardíaco, amputação do pé, derrame e falência dos rins.

Noventa e cinco por cento dos portadores de diabetes possuem o tipo 2, e cinco por cento o tipo 1. O tipo 2 é principalmente uma doença causada pelo estilo de vida, enquanto o tipo 1 é devido a uma destruição autoimune do pâncreas.

Os polifenois da folha de oliveira melhoram a sensibilidade à insulina, fazendo-a funcionar de forma mais eficaz.  Em um estudo de 2013 conduzido na Nova Zelândia, 46 homens foram selecionados para receber uma cápsula com extrato de folha de oliveira ou um placebo por 12 semanas. Os que receberam o extrato da folha de oliveira mostraram uma melhora de um por cento na sensibilidade à insulina.  Muitos estudos apoiam a ideia de que o extrato de folha de oliveira ajuda na regulação das flutuações do açúcar no sangue.

Ajuda na prevenção do câncer

Há cem anos atrás, o câncer era raro nos Estados Unidos, Rússia, Japão e China—agora é uma das principais causas de morte ao redor do mundo.  

Na virada do século XX, três por cento da população dos Estados Unidos sofria de câncer. Em 1950, 20 por cento dos americanos tinham desenvolvido a doença. Em 2000, o número já chegava em 38 por cento da população. Os médicos previram que em 2020, uma a cada duas pessoas será diagnosticada com câncer em algum momento da sua vida. Uma dieta pobre e falta de exercício são os maiores contribuintes e as toxinas ambientais, que fazem com que ocorra oxidação, também são significativas. Nutrientes como extrato de folha de oliveira podem ajudar na prevenção, de acordo com estudos realizados.

O extrato de folha de oliveira é conhecido por conter maiores quantidades de polifenóis, que são micronutrientes, do que o azeite extra virgem. Em um estudo feito em laboratório, 25 doadores de células saudáveis receberam extrato de folha de oliveira, o que resultou em uma atividade anticâncer.   

Em um estudo diferente, oito semanas de consumo diário de extrato de folha de oliveira resultou em uma desregulação dos genes cancerígenos. Em outras palavras, os genes do câncer foram “desligados”.  

Em outros estudos, mostrou-se que os polifenóis agiram como anti-inflamatórios e protegeram o DNA de danos causados pela oxidação. Isso provavelmente explica como o extrato de folha de oliveira pode ajudar a prevenir a doença.

Um estudo de 2017 da Biomedicine and Pharmacotherapy mostrou que o extrato de folha de oliveira pode desempenhar um papel importante no tratamento do câncer no cérebro, um tipo específico chamado GBM ou glioblastoma multiforme.  Um estudo de 2015 mostrou-se benéfico por matar células de mesotelioma, um tipo de câncer de pulmão, enquanto outro estudo preliminar de 2015 mostrou um possível benefício contra células de câncer de mama. Os resultados são preliminares, e deve-se sempre consultar um médico antes de começar a utilizar suplementos.

Função cerebral

Espera-se que os distúrbios cerebrais aumentem nas próximas décadas, dentre eles demência, mal de Alzheimer e mal de Parkinson, entre outros. Uma dieta saudável e atividade física são essenciais para manter o cérebro saudável. Alguns suplementos também podem ser úteis, (leia mais sobre abordagens naturais para o mal de Alzheimer) incluindo o extrato de folha de oliveira.

O extrato de folha de oliveira revelou efeitos antioxidantes e protetores do cérebro. Um estudo de 2017 na Metabolic Brain Disease usando animais mostrou que o produto pode ser benéfico. Nesse estudo, os participantes que receberam extrato de folha de oliveira tiveram um equilíbrio significativamente melhorado, maior força muscular e níveis de antioxidantes no cérebro. As descobertas indicam que o extrato da folha de oliveira possui propriedades protetoras do cérebro e podem ser usadas para prevenir a morte de células cerebrais específicas chamadas neurônios dopaminérgicos, que podem levar ao mal de Parkinson. Por essa razão, foi sugerido que o extrato de folha de oliveira pode ser útil para pacientes portadores da doença e também podem oferecer certa proteção contra o mal de Alzheimer.

Um estudo da European Journal of Pharmacology usando um modelo animal mostrou que o extrato da folha de oliveira também pode reduzir complicações de um derrame a longo prazo.

Antifúngico, antiviral e antibacteriano

Em um estudo realizado na Current Medical Mycology de 2015, descobriu-se que o extrato de folha de oliveira apresentava efeitos antifúngicos contra a Candida albicans. A Candida albicans é uma levedura patogênica, encontrada na pele e na flora intestinal humana. Em um estudo diferente, 150 extratos de plantas, incluindo extrato de folha de oliveira, tiveram sua atividade antiviral analisada. As descobertas mostraram que o extrato de folha de oliveira também possui uma forte capacidade de matar vírus, e pode ser útil no tratamento de infecções causadas por eles.  

Além disso, um estudo de 2017 do Journal of Food Medicine mostrou que o extrato de folha de oliveira possui propriedades antibacterianas contra linhagens de bactérias gram-positivas, como staphylococcus e streptococcus.

Saúde da pele

Um estudo de 2014 da Cell Journal avaliou extratos de folha de oliveira utilizados no tratamento de problemas de pele e feridas. Usando modelo animal, ratos receberam uma incisão de um centímetro de comprimento e largura ampla, e foram deixados não suturados (a ferida não foi costurada). Alguns ratos foram tratados com extrato de folha de oliveira tópico por sete dias, enquanto outros receberam apenas água purificada. As feridas foram analisadas e foi descoberto que o extrato de folha de oliveira, quando aplicado diretamente sobre a ferida, ajudou na cicatrização e na regeneração da pele.

Isso pode ser útil no processo de recuperação depois de cortes e cirurgias. Além disso, devido às propriedades antioxidantes do extrato de folha de oliveira, ele pode ajudar a proteger a pele dos danos celulares. Um estudo ainda mostrou que o extrato também pode ajudar a proteger contra o envelhecimento da pele.

Controle do peso

Um estudo de 2014 da Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine descobriu que o extrato de folha de oliveira pode ajudar a combater a obesidade, desligando os genes que criam a gordura (termogênese). Os resultados do estudo indicam que utilizar o extrato de folha de oliveira pode ajudar na perda de peso.

Como utilizar o extrato de folha de oliveira:

A forma mais conveniente de receber os benefícios do extrato de folha de oliveira é comprá-lo em forma de cápsula ou comprimido, como um suplemento natural. Ele também pode ser comprado na forma líquida.

Apesar de ainda haver muita pesquisa a ser feita sobre o extrato de folha de oliveira, existem evidências suficientes que indicam que ele é benéfico para a saúde e o bem-estar geral.

Referências:

  1. El SN, Karakaya S (2009) Olive tree (Olea europaea) leaves: potential beneficial effects on human health. Nutr Rev67: 632–638
  2. Navarro Mata, Fransisco J Morales. Evaluation of an Olive leaf extract as a natural source of antiglycative compounds. Institute of Food Science, Technology and Nutrition (ICTAN-CSIC), Madrid, Spain https://doi.org/10.1016/j.foodres.2016.12.017
  3. Endocr Metab Immune Disord Drug Targets. 2017 Nov 15. doi: 10.2174/1871530317666171116110537. [Epub ahead of print]
  4. Romero, M, Toral N, Gomez-Guzman M, Jimenez R. (2015), Antihypertensive effects of oleuropein-enriched Olive leaf extract in spontaneously hypertensive rats. Food Funct. 2016 Jan;7(1):584-93. doi: 10.1039/c5fo01101a.
  5. Phytomedicine. 2011 Feb 15;18(4):251-8. doi: 10.1016/j.phymed.2010.08.016. Epub 2010 Oct 30.
  6. De Bock M, Derraik JGB, Brennan CM, et al. Olive (Olea europaea L.) Leaf Polyphenols Improve Insulin Sensitivity in Middle-Aged Overweight Men: A Randomized, Placebo-Controlled, Crossover Trial. Nerurkar PV, ed. PLoS ONE. 2013;8(3):e57622. doi:10.1371/journal.pone.0057622.
  7. Boss A, Bishop KS, Marlow G, Barnett MPG, Ferguson LR. Evidence to Support the Anti-Cancer Effect of Olive leaf extract and Future Directions. Nutrients. 2016;8(8):513. doi:10.3390/nu8080513.
  8. Biomed Pharmacotherapy. 2017 Jun;90:713-723. doi: 10.1016/j.biopha.2017.04.022. Epub 2017 Apr 15.
  9. Marchetti C, Clericuzio M, Borghesi B, et al. Oleuropein-Enriched Olive leaf extract Affects Calcium Dynamics and Impairs Viability of Malignant Mesothelioma Cells. Evidence-based Complementary and Alternative Medicine : eCAM. 2015;2015:908493. doi:10.1155/2015/908493.
  10. J Pharm Biomed Anal. 2015 Feb;105:156-62. doi: 10.1016/j.jpba.2014.11.048. Epub 2014 Dec 11.
  11. Sarbishegi, M., Charkhat Gorgich, E.A., Khajavi, O. et al. Metab Brain Dis (2017). https://doi.org/10.1007/s11011-017-0131-0
  12. Hailong Yu, Peipei Liu, Hui Tang, Jian Jing, Xiang Lv, Lanlan Chen, Li Jiang, Jun Xu, Jun Li, Oleuropein, a natural extract from plants, offers neuroprotection in focal cerebral ischemia/reperfusion injury in mice, In European Journal of Pharmacology, Volume 775, 2016, Pages 113-119, ISSN 0014-2999
  13. Nasrollahi Z, Abolhasannezhad M. Evaluation of the antifungal activity of olive leaf aqueous extracts against Candida albicans PTCC-5027. Current Medical Mycology. 2015;1(4):37-39. doi:10.18869/acadpub.cmm.1.4.37.
  14. Knipping, Karen, Johan Garssen, and Belinda van’t Land. “An Evaluation of the Inhibitory Effects against Rotavirus Infection of Edible Plant Extracts.” Virology Journal 9 (2012): 137. PMC. Web. 17 Dec. 2017.
  15. Qabaha Khaled, AL-Rimawi Fuad, Qasem Ahmad, and Naser Saleh A.. Journal of Medicinal Food. November 2017, ahead of print. https://doi.org/10.1089/jmf.2017.0070
  16. Mehraein F, Sarbishegi M, Aslani A. Evaluation of Effect of Oleuropein on Skin Wound Healing in Aged Male Balb/c Mice. Cell Journal (Yakhteh). 2014;16(1):25-30.
  17. Sumiyoshi, M. and Kimura, Y. (2010), Effects of Olive leaf extract and its main component oleuroepin on acute ultraviolet B irradiation-induced skin changes in C57BL/6J mice. Phytother. Res., 24: 995–1003. doi:10.1002/ptr.3048
  18. Ying Shen, Su Jin Song, Narae Keum, and Taesun Park, “Olive leaf extract Attenuates Obesity in High-Fat Diet-Fed Mice by Modulating the Expression of Molecules Involved in Adipogenesis and Thermogenesis,” Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine, vol. 2014, Article ID 971890, 12 pages, 2014. doi:10.1155/2014/971890

Artigos Relacionados

Ver tudo

Bem-estar

Abordagens naturais para o tech neck

Bem-estar

O que é a beleza kosher?

Bem-estar

Como aliviar alergias naturalmente