header_search header_signed-out header_signed-in header_cart sharefilled circlex circleexclamation iherbleaf
checkoutarrow
BR
O produto foi adicionado ao carrinho
Total:
Desconto:
Junto:
Quantidade:
Cart Total:
Finalizar
Clientes também compraram:
Ajuda 24 horas
beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements
Bem-estar

7 Benefícios Pouco Conhecidos da Luz Solar

11 Maio 2017

Nesta época do ano, todo mundo quer estar ao ar livre. É tão bom ter o calor do sol em sua pele. Se você não ouviu que estar exposto ao sol, sem a proteção de protetor solar, o coloca em risco de ter rugas, no mínimo, e câncer de pele, no pior caso, então você provavelmente esteve vivendo sob uma pedra!

No entanto, enquanto a maioria das pessoas estão cientes dos perigos do excesso de sol, muitos não compreendem que a luz solar também concede enormes benefícios. Tendo em mente que você precisa proteger sua pele com um protetor solar de alta qualidade quando você sai ao ar livre, vamos dar uma olhada em alguns dos benefícios surpreendentes da luz solar.

1. Luz solar e prevenção do câncer 

Não são apenas as plantas que metabolizam a luz solar. Humanos também o fazem. Através de um processo complexo, nossos corpos tornam a luz solar na vitalizadora vitamina D. A conexão entre a deficiência de vitamina D e o câncer foi feita pela primeira vez pelos Drs. Frank e Cedric Garland da Universidade da Califórnia, San Diego. Após descobrir que a incidência de câncer de cólon era quase três vezes maior em Nova Iorque do que no Novo México, os irmãos Garland conjecturaram que a falta da exposição ao sol, resultando em uma deficiência de vitamina D, tinha algo a ver com isto. Pesquisas indicam agora que ter deficiência de vitamina D aumenta o risco de muitos cânceres, especialmente de mama e cólon. Por exemplo, um estudo controle-placebo de quatro anos envolvendo 1.179 mulheres pós-menopausa concluiu que a suplementação com vitamina D produziu uma queda drástica de 60% no risco de desenvolver qualquer tipo de câncer. 

2. A luz solar e os pacientes de Alzheimer 

Pesquisas clínicas demonstraram que a exposição a luz de espectro completo durante o dia ligada à escuridão noturna pode ajudar a melhorar alguns aspectos do mal de Alzheimer—reduzindo a agitação, aumentando a eficiência do sono, diminuindo os períodos noturnos acordado e reduzindo a atividade noturna nestes pacientes.

3. A luz solar e o risco de esclerose múltipla

A EM é mais comum em povos que vivem mais distantes da linha do equador. As pessoas que se mudaram de uma área de baixo risco para uma área de alto risco antes dos 15 anos adquiriram um maior risco de desenvolver a EM, enquanto aqueles que fizeram a mesma mudança após a adolescência retiveram um risco menor. Estas observações sugerem que a exposição ambiental, e em particular, exposição à luz solar matutina (que é correlacionado com os níveis de vitamina D) nas primeiras décadas da vida, influencia os riscos de desenvolver EM. Relacionado à esta descoberta, diversos estudos sobre povos europeus observaram que há um risco menor de EM para nascimentos ocorridos após outubro e um risco maior de EM para nascimentos após maio. Isto sugere que os níveis maternos de vitamina D durante o terceiro trimestre de gravidez pode influenciar os riscos de EM. 

4. Luz solar e psoríase 

A exposição à luz solar é extremamente benéfica para indivíduos com psoríase. Em um estudo, uma terapia de quatro semanas de banho de sol externo demonstrou promover uma melhora significante nos sintomas da psoríase em 84 por cento das pessoas estudadas. 

5. A luz solar e a depressão moderada.

Houveram várias pesquisas sobre a ligação entre a luz solar e o humor. Um estudo sólido descobriu que a luz solar realmente aumenta os níveis de um antidepressivo natural no cérebro. Em dias ensolarados, o cérebro produz mais do químico serotonina, que melhora o humor, do que em dias mais escuros. 

6. A luz do sol e a saúde óssea em adultos mais velhos. 

É sabido que a vitamina D estimula a absorção do fortalecedor de ossos cálcio. O processo de fabricação da vitamina D começa quando a luz solar muda de 7-dehidrocolesterl na pele para a vitamina D3. Uma pesquisa recente demonstra uma correlação direta entre a densidade óssea e os níveis sanguíneos de vitamina D3. Níveis sanguíneos mais altos de vitamina D3 são associados a uma taxa mais baixa de fraturas de praticamente todos os tipos, níveis sanguíneos mais baixos de vitamina D3 são associados a uma taxa mais alta de fraturas de todos os tipos.

7. A luz solar e a qualidade do sono.

Quando a luz solar acerta seus olhos, o seu nervo óptico envia uma mensagem à glândula no cérebro que produz melatonina (um hormônio que o ajuda a dormir), a glândula reduz suas secreções de melatonina até que o sol se ponha novamente. Em outras palavras, a exposição à luz solar durante o dia aumenta a produção natural de melatonina à noite. Níveis baixos de produção de melatonina são ligados à baixa qualidade do sono, especialmente em adultos mais velhos.

Artigos Relacionados

Ver tudo

Bem-estar

Abordagens naturais para o tech neck

Bem-estar

O que é a beleza kosher?

Bem-estar

Como aliviar alergias naturalmente