Todo mundo quer encontrar uma maneira rápida e fácil de reforçar a saúde. Os vegetais em pó podem ser o produto ideal para isso! Os vegetais em pó são suplementos nutricionais poderosos que você pode misturar a vitaminas, iogurte, molho de maçã, água, ou qualquer alimento que quiser.

Embora o conteúdo dos vegetais em pó possa variar de acordo com as diferentes marcas, a maioria deles oferece uma mistura de folhas verdes secas,  algas marinhasalgaservas, frutas e outros vegetais.

Os vegetais em pó contêm muitos componentes saudáveis e fornecem uma nutrição de alta densidade! Com uma nutrição incrementada, facilidade de uso e muita praticidade, os vegetais em pó podem ser um ótimo complemento para qualquer dieta saudável.

Leia mais para descobrir cinco coisas que você está perdendo ao não tomar vegetais em pó, e quais nutrientes procurar neles!Vou ali pegar um suco verde com brócolis e kiwi

1. Os Vegetais em Pó Podem Ajudar no Brilho da Sua Pele

O verão está logo ali e ter uma pele radiante está no topo da sua lista. Os vegetais em pó podem te ajudar a fazer exatamente isso! Muitos vegetais em pó contêm um componente chamado espirulina. 

Espirulina

A espirulina é uma microalga azul-verde que cresce tanto na água salgada quanto na doce.

Estudos relacionam estas incríveis algas a diversos benefícios para a saúde como aumento do funcionamento imune e melhor saúde geral. Estudos também mostram que tomar espirulina está associado a uma melhor qualidade da pele e cabelos.

Alguns estudos até sugerem que estas algas ricas em antioxidantes podem proteger a pele contra os danos ultravioleta (UV) quando tomadas internamente na forma de suplemento alimentar. O dano UV ocorre quando a pele é exposta à luz solar sem proteção.

Os danos UV não estão associados somente a manchas solares e rugas, mas também envelhecimento prematuro da pele e câncer de pele. Muitos vegetais em pó incluem espirulina precisamente por causa de seus incríveis benefícios para a saúde. 

Os Melhores Suplementos Para uma Pele Radiante: Leia mais.

2. Os Vegetais em Pó Podem Ajudar a Melhorar a Imunidade

Embora uma alimentação saudável possa reforçar muito o sistema imune, muitas pessoas não gostam do sabor dos vegetais. Se você é uma das pessoas que sabe que deveria ter uma alimentação mais saudável mas não consegue convencer seu paladar a fazer isso, os vegetais em pó podem ser a resposta que você está procurando. Os vegetais em pó são repletos de nutrientes.

Muitos vegetais em pó obtêm sua cor verde de folhas verde-escuras e outros vegetais verdes presentes na composição. Estes vegetais, como o espinafre, couve, repolho e brócolis apresentam grande quantidade de vitamina CK, e A, que ajudam a melhorar o funcionamento imune.

‌‌‌‌Vitamina C

vitamina C age como um poderoso antioxidante para proteger o corpo de danos causados por radicais livres, enquanto apoia células especiais do sistema imune chamadas células natural killer (que eliminam invasores externos que estejam atacando o corpo).

Vitamina K

Pesquisas sugerem que a vitamina K, especialmente na forma de vitamina K2, é imunomoduladora. Isso significa que ela pode acelerar ou desacelerar o sistema imune conforme necessário para combater invasores externos. A vitamina K também é essencial para a saúde dos ossos.

Vitamina A

A vitamina A é outra vitamina essencial relacionada à saúde imune. A vitamina A ajuda a aumentar o número e os tipos de leucócitos, que ajudam a combater qualquer invasor que entre no corpo. Ter níveis baixos de vitamina A, além de levar ao enfraquecimento do sistema imune, também leva a uma saúde ruim da pele. A vitamina A ajuda a aumentar a produção de colágeno na pele, ajudando-a a se manter macia e jovial. 

Os 10 Melhores Suplementos Naturais Para Otimizar o Sistema Imune: Leia mais.

3. Vegetais em Pó Podem Ajudar a Fornecer Mais Energia

Hoje em dia, parece que existem mais tarefas para serem feitas do que horas no dia. Após um longo dia de trabalho, você mal tem energia para passar tempo com os amigos, família ou para apreciar um tempo sozinho. Tomar vegetais em pó pode mudar isso! Embora os vegetais em pó possam não conter todas as vitaminas e minerais de um multivitamínico, elas são repletas de nutrientes como o selênio e o iodo.

Selênio e & Iodo

Estes nutrientes são essenciais para a saúde da tireoide. O iodo é necessário para produzir o hormônio da tireoide que controla o crescimento, desenvolvimento e metabolismo. O selênio age como um poderoso antioxidante que protege a saúde da tireoide dos danos dos radicais livres. A maioria dos vegetais em pó vem com estes nutrientes tão necessários em abundância!

Se o corpo não receber estes nutrientes, você pode apresentar baixo funcionamento da tireoide. O baixo funcionamento da tireoide é relacionado a diversos problemas de saúde, incluindo inchaço e retenção de líquidos, ganho de peso, fadiga e até depressão.

Os vegetais em pó podem ajudar a melhorar a saúde da tireoide fornecendo ao corpo o selênio e iodo que ele precisa, levando a um melhor funcionamento da tireoide. Uma tireoide mais saudável leva a mais energia, e mais energia significa fazer mais o que você quer fazer. É só pensar na energia que os vegetais em pó podem fornecer!

Os 10 Melhores Suplementos Para Incrementar a Energia: Leia mais.

4. Os Vegetais em Pó Podem Reduzir os Sintomas de Alergia

Chegou aquela época do ano em que os pássaros estão cantando, as flores desabrochando e o pólen está em todo lugar. Se isso parece um desastre para você por causa das alergias sazonais, os vegetais em pó podem ser o que você está procurando!

Algas

Os vegetais em pó geralmente tem a incrível microalga espirulina adicionada a eles. Pesquisas sugerem que estas algas podem ajudar a melhorar os sintomas de rinite alérgica. A rinite alérgica inclui coriza e coceira no nariz, congestão nasal e redução no olfato que costuma vir junto com as alergias sazonais.

Estudos mostram que a espirulina não só melhora os sintomas de rinite alérgica mas também reduz a inflamação e melhora a qualidade do sono, trabalho e interações sociais.

Tomar vegetais em pó pode ajudar a aumentar a diversidade de bactérias no intestino. Aumentar a diversidade do microbioma intestinal pode levar a uma melhor saúde intestinal. Uma melhor saúde intestinal diminui as alergias sazonais e a rinite alérgica.

4 Anti-histamínicos Para Ajudar a Aliviar a Sensação de Coceira, Coriza e Espirros: Leia mais.

5. Os Vegetais em Pó Podem Ajudar a Melhorar a Regularidade Intestinal

A constipação é uma das condições mais desconfortáveis que uma pessoa pode apresentar. A constipação consiste em movimentos intestinais difíceis, incompletos ou dolorosos ou menos do que três movimentos por semana. A constipação está correlacionada a muitas preocupações de saúde diferentes como hemorroidas, fissuras anais e impactação fecal.

A constipação está relacionada a um microbioma intestinal desequilibrado ou um desbalanço das bactérias intestinais. Embora os laxantes sejam a terapia padrão para a constipação, eles podem parar de funcionar tão bem com o uso prolongado. Muitas pessoas podem não se sentir confortáveis de usar laxantes por longos períodos. Os vegetais em pó podem ajudar a melhorar a regularidade intestinal.

Fibras

Os vegetais em pó contêm fibras. A fibra é um tipo de carboidrato que o corpo não consegue digerir. Quando são consumidas através da dieta, as fibras ajudam a manter os movimentos no trato digestivo. Isso também ajuda a tornar as fezes macias e facilitar a eliminação.

Adicionar mais fibras à dieta pode ser fácil ao adicionar vegetais em pó à dieta. Isso ajuda a melhorar a qualidade das fezes e os movimentos intestinais. Os vegetais em pó não contêm somente fibras, mas também magnésio.

Omagnésio é um mineral necessário para cerca de 300 diferentes funções no corpo. O magnésio também ajuda a aliviar a constipação ao atrair água dos tecidos ao redor para o intestino. Isso ajuda a amolecer as fezes e facilita a evacuação. Tomar vegetais em pó pode ajudar a melhorar os movimentos intestinais e o funcionamento do intestino ao aliviar a constipação.

Abordagens Naturais Para a Constipação: Leia mais

Então vamos lá! Cinco coisas que você está perdendo se ainda não está tomando vegetais em pó. Se você ainda não experimentou algum, irá se surpreender com os benefícios que podem trazer para a sua saúde!

Greens powder, wheatgrass powder, kale powder supplements 

Referências:

  1. Rzymski P, Jaśkiewicz M. Microalgal food supplements from the perspective of Polish consumers: patterns of use, adverse events, and beneficial effects. J Appl Phycol. 2017;29(4):1841-1850. doi:10.1007/s10811-017-1079-5
  2. Yogianti F, Kunisada M, Nakano E, et al. Inhibitory effects of dietary Spirulina platensis on UVB-induced skin inflammatory responses and carcinogenesis. J Invest Dermatol. 2014;134(10):2610-2619. doi:10.1038/jid.2014.188
  3. Holmannová D, Koláčková M, Krejsek J. Fyziologická úloha vitaminu C ve vztahu ke složkám imunitního systému [Vitamin C and its physiological role with respect to the components of the immune system]. Vnitr Lek. 2012;58(10):743-749. 
  4. Myneni VD, Mezey E. Immunomodulatory effect of vitamin K2: Implications for bone health. Oral Dis. 2018;24(1-2):67-71. doi:10.1111/odi.12759
  5. Mora JR, Iwata M, von Andrian UH. Vitamin effects on the immune system: vitamins A and D take centre stage. Nat Rev Immunol. 2008;8(9):685-698. doi:10.1038/nri2378
  6. Varani J, Warner RL, Gharaee-Kermani M, et al. Vitamin A antagonizes decreased cell growth and elevated collagen-degrading matrix metalloproteinases and stimulates collagen accumulation in naturally aged human skin. J Invest Dermatol. 2000;114(3):480-486. doi:10.1046/j.1523-1747.2000.00902.x
  7. Williams MD, Harris R, Dayan CM, Evans J, Gallacher J, Ben-Shlomo Y. Thyroid function and the natural history of depression: findings from the Caerphilly Prospective Study (CaPS) and a meta-analysis. Clin Endocrinol (Oxf). 2009;70(3):484-492. doi:10.1111/j.1365-2265.2008.03352.x
  8. Nourollahian M, Rasoulian B, Gafari A, Anoushiravani M, Jabari F, Bakhshaee M. Clinical comparison of the efficacy of spirulina platensis and cetirizine for treatment of allergic rhinitis. Acta Otorhinolaryngol Ital. 2020;40(3):224-229. doi:10.14639/0392-100X-N0139
  9. Hua X, Goedert JJ, Pu A, Yu G, Shi J. Allergy associations with the adult fecal microbiota: Analysis of the American Gut Project. EBioMedicine. 2015;3:172-179. Publicado em 27 de Nov de 2015. doi:10.1016/j.ebiom.2015.11.038
  10. Eswaran S, Muir J, Chey WD. Fiber and functional gastrointestinal disorders. Am J Gastroenterol. 2013;108(5):718-727. doi:10.1038/ajg.2013.63
  11. Guerrera MP, Volpe SL, Mao JJ. Therapeutic uses of magnesium. Am Fam Physician. 2009;80(2):157-162.