beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements
Bem-estar

Os benefícios da aloe vera para a saúde

1 Novembro 2018

Por Venus Ramos, Doutor em Medicina

Aloe vera é uma planta suculenta e espinhosa, popular por suas aplicações medicinais em uma variedade de culturas há milhares de anos. Chamada de Aloe barbadensis na literatura científica, seu caule curto e grosso em conjunto com suas folhas espinhosas e verdes a tornam facilmente reconhecível.

Existem duas partes principais da planta aloe vera que são extraídas por conta de suas propriedades benéficas. A primeira é o gel translúcido dentro das folhas, cuja composição é de 96% de água. O gel também contém as vitaminas A, B, C e E, uma proteína composta de 18  aminoácidos essenciais e outros compostos orgânicos e inorgânicos. A outra substância útil na planta é a seiva, também conhecida como látex aloe. Esse resíduo amarelo e grudento é encontrado logo abaixo da parte externa da folha da planta. O gel Aloe é ingerido ou aplicado topicamente. O látex aloe é ingerido oralmente, normalmente para combater a constipação. Enquanto que a aloe vera é mais conhecida por seus efeitos curativos sobre a pele, a lista de benefícios em potencial para a saúde é longa. Existem vários benefícios defendidos por pesquisas:

Propriedades antioxidantes e antibacterianas

O gel aloe contém polifenóis, que são poderosos antioxidantes. Eles podem ajudar a combater o crescimento de certas bactérias que podem causar infecções em humanos. Por conta de sua atividade antioxidante, o gel aloe também pode ajudar em casos de inflamação.

Estudos demonstraram que aplicar gel aloe duas vezes ao dia por um período de oito semanas pode ajudar a reduzir os sintomas de líquen plano oral, uma condição inflamatória que afeta a parte interna da boca.

Acelera a recuperação de queimaduras

Em 1969, a Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) aprovou a aloe vera como um medicamento sem necessidade de prescrição para queimaduras. Ele também é destacado como um tratamento para queimaduras no monógrafo de plantas medicinais da Organização Mundial da Saúde. Estudos demonstraram que o tratamento tópico com aloe vera é eficiente para queimaduras de primeiro e segundo graus.

Recomenda-se aplicar gel aloe vera puro sobre a área afetada três vezes ao dia.

Reduz a placa bacteriana

Existem múltiplos estudos que comparam a eficiência do sumo da aloe vera ao ingrediente padrão para limpeza bucal clorexidina.  Quando utilizado como enxaguante bucal, pesquisas indicam uma significativa redução da placa e da gengivite através da utilização de aloe vera sem diferença significativa em comparação com a clorexidina.

Ajuda a tratar aftas

Resultados de estudos defendem que a utilização tópica de gel aloe diminui o tempo para cura da estomatite aftosa recorrente, comumente conhecida como afta. Existe evidência também de que a dor associada com a afta também é diminuída.

Diminui os níveis de açúcar no sangue

Mais estudos são necessários, contudo, estudos iniciais sugerem que aloe vera pode ajudar no controle do nível de açúcar no sangue, reduzindo-os em pacientes diabéticos e com pré-diabetes.

Melhora a aparência da pele

Aloe gel, com suas propriedades antioxidantes, pode ter um efeito calmante sobre a pele, reduzindo a coceira e inflamação.

Ela tem sido utilizada na psoríase leve a moderada para reduzir a vermelhidão, descamação e coceira. Você pode precisar utilizá-la topicamente várias vezes ao dia por um mês ou mais para ver uma melhora notável.

Estudos demonstraram que o gel aloe é benéfico no tratamento da acne. A aplicação de gel aloe duas vezes ao dia combinada com a utilização do medicamento tópico tretinotina prescrito para acne pode ajudar a reduzir a acne de maneira mais eficiente do que utilizando apenas o medicamento tópico prescrito.

Além disso, testes clínicos demonstraram a eficácia do gel aloe vera no tratamento de herpes genital e dermatite seborreica.

Reduz a constipação

O látex aloe contém aloin, um composto que faz com que a aloe vera tenha propriedades laxativas. Uma dose comum é de 50 a 200 miligramas de látex ou sumo de aloe.

Algumas preocupações foram geradas com relação à segurança da utilização frequente. Ela não deve ser ingerida por mais de 10 dias. Efeitos adversos podem incluir cãibras abdominais e diarreia. Também existe evidência de que altas doses podem provocar danos aos rins.

Segurança da aloe vera

A utilização tópica da aloe vera é geralmente considerada segura.  Com relação à utilização oral, existem algumas ressalvas:

  • Por ser um laxativo, o látex aloe pode reduzir a absorção do trato digestivo, resultando na diminuição da eficiência de algumas drogas ingeridas por via oral.
  • Como a aloe pode reduzir os níveis de açúcar no sangue, portadores de diabetes que tomam medicamentos para diminuição de glucose devem ter cuidado ao ingerir aloe vera.
  • Enquanto que estudos com camundongos têm demonstrado atividade carcinogênica, principalmente com a substância aloin no látex aloe, estudos mais detalhados são necessários para comprovar o risco em potencial para os humanos.

Artigos Relacionados

Ver tudo

Bem-estar

Mude sua saúde carregando suas mitocôndrias

Bem-estar

L-teanina, benefícios à saúde e à função cognitiva

Bem-estar

Os probióticos e as enzimas digestivas podem criar harmonia em seu intestino?