header_search header_signed-out header_signed-in header_cart sharefilled circlex circleexclamation iherbleaf
checkoutarrow
BR
O produto foi adicionado ao carrinho
Total:
Desconto:
Junto:
Quantidade:
Cart Total:
Finalizar
Clientes também compraram:
Ajuda 24 horas
beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements
Condições

Remédios naturais para a dor nas articulações

11 Abril 2019

Pela Dra. Ellen Albertson

Se você sofre de dores nas articulações, não está sozinho. De acordo com uma Pesquisa Nacional de Saúde realizada em um período de 30 dias, 30% dos adultos apresentaram dor ou rigidez em torno de uma articulação. Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças estimam que 54,4 milhões de adultos americanos – cerca de 15% da população – sofrem de artrite, a inflamação de uma ou mais articulações.

As articulações, o ponto físico de conexão entre os ossos, fornecem suporte e facilitam o movimento. Existem 360 articulações no corpo, a maioria delas móveis. Quando saudáveis, os ossos dentro de uma articulação deslizam suavemente um após o outro porque suas superfícies são cobertas por uma camada lisa de cartilagem e uma membrana que produz um líquido lubrificante chamado líquido sinovial.

A disfunção e a dor ocorrem quando o líquido sinovial não se segrega adequadamente ou quando os ossos da cartilagem se deterioram. Danos podem acontecer de repente ou gradualmente e podem ser causados por doenças ou lesões. A dor e o inchaço podem ser agudos ou crônicos e variam de leves a graves.

A osteoartrite, a deterioração da cartilagem que cobre as extremidades dos ossos (especialmente nos joelhos e quadris), que frequentemente ocorre como uma parte natural do envelhecimento, é a causa mais comum de dor nas articulações. A artrite reumatoide, uma doença autoimune em que o sistema imunológico do corpo ataca as membranas que secretam o líquido sinovial, é outra causa comum de dor nas articulações, assim como as doenças gota, lúpus e fibromialgia.

Embora seu primeiro instinto possa ser recorrer à medicação analgésica comum nas farmácias (ibuprofeno, paracetamol ou aspirina), esses produtos podem causar sérios efeitos colaterais, como danos nos rins. Felizmente, existem inúmeras maneiras naturais para reduzir a inflamação e aliviar o desconforto causado pela dor nas articulações.

Mover-se é fundamental

Você vai sentir vontade de evitar realizar grandes movimentos, mas você deve fazer o exato oposto. Exercitar-se desencadeia a liberação do fluido sinovial para a lubrificação da articulação. Exercícios e alongamentos de pouco impacto ajudam a melhorar a extensão dos movimentos e aumentam a energia e a mobilidade. Levantamento de peso fortalece os músculos para que eles possam sustentar melhor as suas articulações. Práticas que combinam o poder da mente com o corpo, tais como ioga, qigong ou tai chi chuan, podem aumentar a força, a energia e a flexibilidade.

Aposte na dieta mediterrânea

Se a causa da sua dor é artrite reumatoide, comer uma dieta anti-inflamatória ou mediterrânea pode ajudar a reduzir os sintomas, melhorando a saúde do coração e reduzindo o risco de câncer. Esse tipo de dieta implica comer frutas e legumes ricos em antioxidantes; feijões; grãos integrais como arroz integral e quinoa (que demonstraram diminuir a proteína C reativa, um marcador de inflamação); e alimentos ricos em ácidos graxos ômega-3, como peixes gordurosos, sementes de chia, sementes de linhaça e nozes. Utilizar azeite de oliva e cortar os carboidratos processados, gorduras saturadas e gorduras trans também ajudam a reduzir a inflamação.

Você também pode tomar um antioxidante e/ou um ácido graxo ômega-3 (procure por um que seja elevado em DHA) e consumir mais flavonoides, que são compostos químicos encontrados em produtos de soja, chá verde e brócolis.

Além disso, perder peso – se você estiver acima do seu – pode reduzir a tensão nas articulações, o que pode diminuir danos futuros como sentir dores diariamente, especialmente nos quadris, joelhos e pés.

Suplementos para flexibilidade

Embora os estudos sejam mistos, algumas pesquisas mostraram que tomar colágeno, a principal proteína estrutural do tecido conjuntivo encontrada nos ossos e cartilagens, pode ajudar a diminuir a dor, facilitando a movimentação, a flexão e o aumento da flexibilidade. Uma recente meta-análise, publicada no British Journal of Sports Medicine, identificou o colágeno como um suplemento "demonstrando efeitos clinicamente importantes para a redução da dor a médio prazo".

A glucosamina e a condroitina, componentes da cartilagem normal, também podem ajudar a reduzir a dor. Um estudo publicado no New England Journal of Medicine sugeriu que "a combinação de glucosamina e sulfato de condroitina pode ser eficaz no subgrupo de pacientes com dor no joelho moderada a grave".

Ervas e especiarias que podem reduzir a dor nas articulações incluem boswellia e açafrão. Usada na medicina tradicional na Ásia e na África, acredita-se que a boswellia ajuda a tratar condições inflamatórias crônicas. Algumas pesquisas mostraram que essa planta impede a formação de moléculas inflamatórias chamadas leucotrienos. Já o açafrão, usado na medicina tradicional chinesa e ayurvédica para tratar a artrite, contém uma substância química anti-inflamatória chamada curcumina, que modifica as respostas do sistema imunológico.

Experimentos com os óleos essenciais

Usado por milhares de anos para reduzir a dor nas articulações e rigidez, os óleos essenciais são ricos em nutrientes que podem ajudar a aliviar o incômodo e reduzir a inflamação. Os bons para usar sozinho ou em combinação para alívio da dor incluem lavanda, menta, tomilho, laranja, gengibre, incenso, mirra, cravo, alecrim e açafrão. Para usá-los basta diluir com um óleo carreador, como coco ou jojoba, e massagear a pele, ou adicionar 10 a 15 gotas do óleo na sua água do banho.

Aplique remédios tópicos

Existem vários tipos de remédios naturais de uso tópico que podem ajudar a reduzir a dor. Procure por cremes homeopáticos que contenham ingredientes como arnica ou calêndula, ou tente pomadas que contenham capsaicina. Encontrada em pimentas, a capsaicina age naturalmente ajudando a bloquear os sinais de dor no corpo.

Referências:

  1. Accessed February 13th,19 https://www.rheumatology.org/Learning-Center/Statistics/Prevalence-Statistics
  2. Accessed February 13th,19 http://www.cdc.gov/nchs/nhis.htm
  3. Jordan KP, Kadam UT, Hayward R, et al. Annual consultation prevalence of regional musculoskeletal problems in primary care: an observational study. BMC Musculoskelet Disord. 2010;11:144.
  4. Liu X, Machado GC, Eyles JP, et al. Dietary supplements for treating osteoarthritis: a systematic review and meta-analysis. Br J Sports Med 2018;52:167–175.
  5. Clegg DO, Reda DJ, Harris CL, et al. Glucosamine, chondroitin sulfate, and the two in combination for painful knee osteoarthritis. New England Journal of Medicine. 2006;354(8):795–808.
  6. Grover AO, Samson SE. Benefits of antioxidant supplements for knee osteoarthritis: rationale and reality. Nutrition Journal 201615:1. doi.org/10.1186/s12937-015-0115-z

Artigos Relacionados

Ver tudo

Condições

Abordagens naturais para a prisão de ventre

Condições

O ácido alfa lipoico e a esclerose múltipla

Condições

Essas ervas, temperos e nozes podem ajudar a controlar a diabetes