beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements

A dieta Low FODMAP é a certa para você?

Por Alysa Bajenaru, RD

Você provavelmente já viu a dieta low FODMAP aparecendo no canto das revistas de saúde e em seu feed das redes sociais. O que exatamente é FODMAP e por que você deveria se informar sobre com ela? Aqui está o que você precisa saber antes de embarcar nessa nova dieta .

Uma dieta low FODMAP é usada para tratar síndrome de intestino irritável, ou SII. Ela foi criada por pesquisadores na Monash University para ajudar a controlar sintomas gastrointestinais associados a esta condição. Estes pesquisadores descobriram que os sintomas da SII parecem ser desencadeados por um grupo específico de carboidratos, chamados FODMAPs.

O que são FODMAPs?

FODMAP significa Fermentados, Oligossacarídeos, Dissacarídeos, Monossacarídeos, e Polióis. Eles são um grupo de carboidratos de absorção ruim no intestino delgado. Eles terminam fermentando rapidamente no intestino, causando dor e, às vezes, sintomas embaraçosos. FODMAPs são encontrados em alimentos diários, como trigo, maçãs, cebolas e goma de mascar sem açúcar.

Quais são os sintomas de SII?

  • Mudanças nos hábitos intestinais, constipação, diarreia
  • Indigestão
  • Náuseas
  • Excesso de gases e inchaço
  • Cólicas e dor abdominal

10-20% da população global sofre de SII, e é mais comum em mulheres do que homens. Ela pode ser altamente debilitante, afetar o trabalho, sono, e até mesmo os relacionamentos.

Como a SII é tratada?

Até recentemente, SII só era tratada com medicamentos que normalmente não forneciam alívio adequado dos sintomas e podiam causar efeitos colaterais indesejados. Atualmente, não há cura para a SII. É isso que torna a dieta low FODMAP uma possibilidade animadora.

Como a dieta low FODMAP funciona?

A dieta low FODMAP consiste em três fases: Eliminação, Reintrodução e Manutenção.

  1. Eliminação: Primeiro, você eliminará todos os alimentos ricos em FODMAPs da sua dieta por 2-6 semanas. Durante esse tempo, você só poderá ingerir alimentos aprovados na lista low FODMAP, incluindo grãos sem glúten, pequenas porções de nozes e sementes, frutas e vegetais específicos, proteínas, queijos duros e produtos lácteos sem lactose.
  2. Reintrodução: Com a ajuda de um nutricionista registrado, você gradualmente irá reintroduzir os FODMAPs de maneira metódica para avaliar sua tolerância a cada um.
  3. Manutenção: À medida que você aprender mais sobre o que o seu corpo pode ou não tolerar, poderá criar sua própria dieta personalizada e bem balanceada. Muitas pessoas podem voltar a uma dieta praticamente normal, apenas precisando restringir alguns alimentos ricos em FODMAPs em grandes quantidades. Uma dieta restrita low FODMAP não é recomendável para ser seguida a longo prazo.

A dieta low FODMAP é eficiente para tratar SII?

Devido ao alto interesse nesta opção de dieta para tratamento de SII, há muitos estudos clínicos em andamento e estudos observacionais.

Em um estudo curto, 15 pacientes saudáveis e 15 pacientes com SII receberam uma dieta baixa e alta em FODMAP por dois dias cada, com um período de dieta comum de 7 dias entre elas. Todos os pacientes com SII reclamaram de sintomas significativamente piores com a dieta rica em FODMAPs, enquanto os pacientes saudáveis apenas reclamaram do aumento de gases.  

Um estudo clínico recente realizado pelo Sistema de Saúde da Universidade de Michigan mostrou que mais de 50 por cento dos pacientes com SII tiveram alívio significativo quando fizeram uma dieta low FODMAP em seis semanas, resultando em melhor qualidade de vida, melhor sono, e redução no cancelamento de atividades.

De acordo com a nutricionista especialista em FODMAP Kate Scarlata, até 75% das pessoas que sofrem de SII podem se beneficiar de uma restrição alimentar de FODMAPs com implementação adequada.

Eu devo experimentar uma dieta low FODMAP?

Talvez! Mas se você sofre de sintomas gastrointestinais, é importante consultar seu médico antes de descartar outras condições sérias, como doença celíaca, câncer de cólon, doença inflamatória do intestino, ou câncer de ovário. Se seu médico concluir que você tem SII e desejar experimentar uma abordagem alimentar para tratá-la, peça a indicação de um nutricionista especializado em FODMAPs.

Recursos:

  1. Monash University (https://www.monash.edu/medicine/ccs/gastroenterology/fodmap)
  2. Low FODMAP Diet App for iPhone and Android (https://www.monash.edu/medicine/ccs/gastroenterology/fodmap/education/iphone-app)
  3. FODMAPS 101 - A free handout (http://www.katescarlata.com/fodmaps-101/)
  4. Low FODMAP Shopping List (http://www.katescarlata.com/low-fodmapgrocerylist/)
  5. FODMAP Dietitian Directory (http://www.katescarlata.com/fodmapdietitians/)
  6. University of Michigan Clinical Study Summary (https://www.sciencedaily.com/releases/2016/05/160524121551.htm)

Artigos Relacionados

Ver tudo

Nutrição

Como consumir suas proteínas diárias sendo vegetariano

Nutrição

8 motivos para você ter vinagre na despensa

Nutrição

6 benefícios do caldo de ossos para a saúde e como usá-lo