header_search header_signed-out header_signed-in header_cart sharefilled circlex circleexclamation iherbleaf
checkoutarrow
BR
O produto foi adicionado ao carrinho
Total:
Desconto:
Junto:
Quantidade:
Cart Total:
Finalizar
Clientes também compraram:
Ajuda 24 horas
beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements
Nutrição

Como eliminar a ansiedade alimentar

27 Abril 2017

Não importa o que digam, superar a ansiedade alimentar não tem nada a ver com força de vontade

Oxigênio, comida e água são as três coisas mais importantes que precisamos para viver. Se ficarmos sem qualquer um deles por um longo período (não muito longo, quando se trata de oxigênio), o corpo e o cérebro usam mecanismos poderosos que nos levam a respirar, comer ou beber. No caso da comida, o cérebro é especialmente sensível a quedas bruscas de açúcar no sangue e libera uma variedade de estímulos químicos que nos fazem desejar açúcar e doces para elevar os níveis de açúcar. Nosso trato intestinal e células adiposas também secretam hormônios que avisam que é hora de comer.

Apetite acelerado?

Pessoas sem problemas de peso se beneficiam de um sistema de controle de apetite em pleno funcionamento, com componentes como hormônios, peptídeos, neurotransmissores e glicose que circulam pelo sangue e são percebidos e administrados pelo cérebro. Pessoas com peso normal não costumam ter desejo por comidas não saudáveis. Elas sentem fome nas horas certas. Elas também costumam ficar satisfeitas quando comem porções modestas que não levam ao aumento do peso.

Infelizmente, quando as células adiposas abdominais aumentam em indivíduos obesos ou acima do peso, esse complexo sistema de controle de apetite se altera. O principal fator que leva a essa alteração e a resistência à insulina.

Restaurando o controle de apetite

A resistência à insulina leva a desejos intensos de comer. Em tempos mais primitivos, a resistência à insulina tinha o objetivo de ajudar os humanos a ganhar peso quando a comida era abundante para que sobrevivessem durante tempos de fome. Hoje em dia, não costumamos ter esse problema e como resultado, nossa fisiologia está parada no modo de armazenamento com um apetite hiperativo.

Se você quiser perder e manter seu peso, você precisa consertar seu sistema de controle de apetite e se livrar da ansiedade alimentar. Duas formas poderosas e naturais de fazer isso são: estabilizar o açúcar do sangue e aumentar os níveis de serotonina no cérebro.

Estabilizando o açúcar no sangue

O primeiro passo para eliminar a ansiedade alimentar é tratando a causa, na maioria dos casos, a volatilidade do açúcar no sangue devida à resistência à insulina. Usando tecnologias de última geração, Michael Lyon, MD, e eu descobrimos que manter os níveis de açúcar no sangue com baixa variação é a chave para controlar o apetite hiperativo. Quando as pessoas estão naquilo que chamamos de "Montanha russa do açúcar no sangue", elas possuem pouquíssimo controle sobre seu apetite e tamanho das porções. Isso acontece porque, toda vez que elas passam por uma queda rápida de açúcar no sangue, o cérebro libera poderosos estimuladores de apetite e hormônios como o cortisol e adrenalina, para aumentar o açúcar no sangue.

Muitos efeitos das flutuações dos níveis de açúcar no sangue no controle do apetite podem ser associados a células do cérebro chamadas de células da glia, que circundam as células cerebrais. Células da glia são importantes para identificar o nível de glicose no sangue. Toda vez que o açúcar do sangue baixa rapidamente, células da glia enviam sinais poderosos para as regiões do cérebro, como o hipotálamo, que estimulam a ansiedade alimentar. Por causa da resistência à insulina e a fraca regulação da glicose, pessoas acima do peso recebem estímulos constantes para comer.

Então, como melhorar o controle de açúcar no sangue e a resistência à insulina? Aqui estão sete fatores:

  1. Tenha uma alimentação de baixa carga glicêmica. Experimente: The Blood Sugar Solution (A Solução de açúcar no sangue) de Mark Hyman, MD.
  2. Experimente um suplemento de fibras viscoso (O PGX super fibras possui mais informações; tome de 2,5 a 5 gramas antes das refeições).
  3. Suplemento com crômio, necessário para que a insulina funcione corretamente em uma dosagem de 200 a 400 mcg por dia.
  4. Controle o estresse.
  5. Certifique-se de não ficar com fome, consumindo lanches de baixas calorias como vegetais frescos e frutas entre as refeições.
  6. Faça exercícios físicos por pelo menos 30 minutos por dia.
  7. Planeje suas refeições com antecedência.

5-HTP e Açafrão

Outro fator que leva à ansiedade alimentar é o baixo nível de serotonina no cérebro. A produção da serotonina começa com o aminoácido triptofano. A resistência à insulina ou o cortisol em excesso criam um bloqueio na conversão do triptofano para 5-hidroxitriptofano (5-HTP), a etapa entre o triptofano e a serotonina. Felizmente, diversos estudos mostraram que tomar suplementos de 5-HTP pode reduzir a ansiedade e o consumo de carboidratos, levando à perda de peso.

Uma nova alternativa para p 5-HTP é o Satiereal, um extrato de açafrão com efeitos semelhantes na redução da ansiedade alimentar e no aumento dos níveis de serotonina. Para o 5-HTP, a dosagem comum é de 50 a 100 mg três vezes por dia. Para Satiereal, a dosagem é de 15 mg duas vezes por dia.

Artigos Relacionados

Ver tudo

Nutrição

Levedura nutricional: o substituto vegano

Nutrição

Aqueça-se no inverno com estes saborosos mix de temperos

Nutrição

Benefícios para a saúde da capsaicina dos alimentos picantes