beauty2 heart-circle sports-fitness food-nutrition herbs-supplements

O que os cuidados pessoais são... e o que não são

Por Nikia Phoenix 

Neste artigo:

Nos dias de hoje, com mídias sociais e hashtags, nós costumamos ser bombardeados por imagens do que pensamos ser uma vida perfeita. Nós comparamos a forma com que cuidamos de nós mesmos com a forma como celebridades e influenciadores cuidam de si. Quando se trata da ideia de cuidados pessoais, é fácil pensar que isso se trata de beber champanhe em um roupão branco. Também é fácil para as outras pessoas banalizarem nossa necessidade de se cuidar quando ouvimos falar tanto de máscaras faciais e sais de banho. Na verdade, os cuidados pessoais são necessários para a autoproteção e a paz de espírito.

Para que possamos entender verdadeiramente o que são os cuidados pessoais, vamos falar sobre o básico. Pense por um segundo, como você cuida de si mesma? Sim, você come, dorme e escova os dentes. Esperamos que isso já seja o óbvio. Mas o que você está fazendo além disso para garantir que você está com a mente sã? O termo "cuidados pessoais" é abrangente, e engloba o que fazemos por nossas mentes, corpos e espíritos. Ir a uma aula de ioga. Desligar os milhões de alertas no seu celular. Falar por si própria em uma reunião de negócios. Todas essas atitudes podem ser consideradas cuidados pessoais.

Se cuidar não é egoísmo

Há um ano, eu precisava desesperadamente me livrar das pressões do trabalho e dos dias frios de inverno. Eu fui para o Cabo com uma amiga, mas, antes de ir, eu falei para a minha equipe de colaboradores que ficaria completamente indisponível. Nós estávamos nos estágios iniciais de um grande projeto, mas todos eles me garantiram que conseguiriam trabalhar sem mim por alguns dias. Apenas algumas horas depois do início das minhas férias e eu já fui bombardeada com e-mails, mensagens e até ligações sobre o projeto. Meu gerente de projetos, na época, não parava de interromper a minha paz, e ainda disse algo sobre eu ser egoísta por não estar disponível durante esse período crítico. Minha amiga, me vendo perturbada e estressada, pegou o meu celular e desligou. “Você nunca deve se sentir mal por reservar um tempo para você”, ela disse.

A forma como nós definimos os cuidados pessoais hoje veio à minha atenção pela autora e feminista Audre Lorde, em seu livro A Burst of Light. “Cuidar de mim mesma não é um comodismo. É uma autopreservação, e esse é um ato de guerra política.” As palavras de Lorde soam tão verdadeiras quando pensamos na forma como as mulheres tendem a ser as cuidadoras para todo mundo, se colocando em último lugar. Pense em sua mãe, suas avós, e até em você mesma. Quantas vezes você já se sacrificou para que outra pessoa pudesse ficar bem, enquanto você colocava a si mesma no final da sua lista de prioridades? Você não pode cuidar dos outros se não cuidar de si mesma primeiro. Pare um minuto para absorver essa frase.

Não há absolutamente nada de errado em se cuidar, e por favor, não deixe alguém lhe dizer o contrário. O gerente de projetos que eu mencionei tentou ao máximo me fazer pensar que tomar um tempo livre era algo egoísta. Por algumas horas das minhas férias, eu me senti uma pessoa ruim por querer relaxar. Todos estes pensamentos negativos começaram a passar pela minha mente. Eu mereço estas férias? Eu realmente podia ter tirado esses dias enquanto estamos trabalhando em um projeto? Eu devia estar me cobrando mais e sacrificando o que puder para que meu time possa ganhar. Esses pensamentos não podiam estar mais errados, pois, na verdade, como podíamos vencer se eu não estava no meu melhor? Esse dilema me ensinou uma lição muito importante: As pessoas que têm uma aversão a você reservar e manter limites não respeitam você ou a sua necessidade de se cuidar.

Cuidados pessoais englobam todo o ser

“Cuidados pessoais” é o termo geral, mas e as coisas que fazemos para nos ajudar a manter um senso saudável de nós mesmas? Esses são os atos de cuidados pessoais com os quais você pode estar familiarizada. Você pode dividi-las em quatro categorias: físicos, espirituais, mentais e emocionais.

  • Atos físicos de cuidados pessoais podem incluir fazer trilhas, caminhar no meio do dia e até receber uma massagem.
  • Atos espirituais de cuidados pessoais englobam meditação (com aromaterapia), orações, companheirismo com os outros sobre a fé e o uso de um diário.
  • Para meus atos mentais de cuidados pessoais, eu leio um bom livro, me desconecto das redes sociais, trabalho no jardim e cuido da minha criança interior, expressando minha criatividade.
  • Meus atos emocionais de cuidados pessoais podem frequentemente ser as coisas difíceis, como expressar meus sentimentos, definir limites, decidir recusar aquele jantar em família que me deixa ansiosa ou assistir a um filme meloso para que eu possa dar um bom choro.

Como começar a praticar cuidados pessoais

Eu converso muito sobre cuidados pessoais, e uma das perguntas comuns que recebo das pessoas que querem praticá-los é “como eu começo”? Primeiro – dê a si mesma a permissão de começar a verdadeiramente cuidar de si mesma. Essa é você! Você tem sido amável com todo mundo, agora é a hora de amar a você mesma. Você pode começar com algo simples, como escrever “eu te amo” em uma nota adesiva e grudá-la no espelho do banheiro. Ou, uma vez por semana, talvez você possa marcar um compromisso consigo mesma e acessar sua criança interior. Pense nisto – quando foi a última vez que você se divertiu por conta própria? Começar na sua jornada de cuidados pessoais é relativamente fácil, mas você precisa se comprometer. Comprometa-se consigo mesma.

Atos de cuidados pessoais são os rituais que fazemos de forma regular, seja uma vez por mês ou uma vez por dia, para que possamos nos sentir bem. Estudos mostram que demonstrar gratidão, passar um tempo na natureza e meditar são atos que aumentam os níveis de serotonina e dopamina no cérebro. Sim, curtir o fim de semana e ir à pedicure é divertido, mas os cuidados pessoais são as coisas que nos trazem momentos de alegria e nos lembram de buscar a felicidade.  Os cuidados pessoais reforçam o que nós já sabemos, que merecemos a felicidade e o amor próprio.

Artigos Relacionados

Ver tudo

Autocuidado

How To Start Self-Care If You've Never Done It Before

Autocuidado

6 Self-Care Products For The Ultimate At Home Spa Day

Autocuidado

Thanks to Quarantine, My Beauty Routine Simplified but My Self-Care Is More Complex